Estados Unidos

Quanto custa trabalhar na Disney?

Hoje paguei a última taxa necessária, o que significa que agora não falta fazer mais nada, só arrumar as malas! Yay! E isso também me deu a ideia de trazer um serviço de utilidade pública para quem está pensando em fazer um dos programas da Disney!

Quanto vou gastar para ir trabalhar na Disney?

A parte monetária desse programa não é das mais vantajosas. Você recebe US$7,67 por hora trabalhada, e trabalha em média 30 horas semanais. Isso não é muito. Ainda mais se a gente for enumerar tudo o que a gente vai gastar para poder chegar lá e começar a ganhar dinheiro.

Vou listar aqui tudo o que eu gastei, em reais (considerando o dólar de hoje, a R$2), para ir ao programa Super Greeter. Os valores para o ICP são bem parecidos, acredito que talvez só a passagem fique um pouquinho mais barata por novembro/dezembro não ser tão alta temporada quanto julho.

  • Passagem para São Paulo para entrevista, para quem é de fora: R$230 (Eu fiz um bate-volta de ônibus leito saindo de Curitiba, então não gastei com hotel, apenas alimentação. Não esqueça de colocar isso na sua conta.)
  • Passagem: R$2200 (Dependendo das datas você consegue mais barato, eu comi bola e acabei pagando caro.)
  • Visto americano Q1 (valor antigo): R$300
  • Taxa de reciprocidade do visto Q1: R$80
  • Passagem para São Paulo para entrevista do visto: R$150 (Dessa vez fui de ônibus convencional para economizar, novamente no esquema do bate-volta.)
  • Assessment fee (taxa de participação no programa): R$200
  • Seguro obrigatório da Disney: R$200
  • Total (AI!): R$3360

E quanto vou ganhar?

A duração do seu programa pode variar, e você também pode pegar shifts extras, então vamos fazer a conta como se você fosse trabalhar o mínimo necessário, que é de 30 horas semanais.

  • 30 x US$7,67 = US$230,10

Você vai ganhar no mínimo US$230 por semana. Porém, lembre-se que o valor do seu aluguel semanal já vem descontado no seu paycheck. Se você morar no Patterson Court, o condomínio mais caro, seu aluguel será de cerca de US$90. Assim, eis o que você vai ganhar, líquido, em uma semana:

  • US$230,10 – US$90 = US$140,10

O meu ICP durou 10 semanas, porém o Super Greeter será de apenas 9 semanas. Quanto eu vou ganhar de dinheiro, líquido, com essa brincadeira?

  • US$140,10 x 9 = US$1260,90

Em reais, se o dólar continuar valendo cerca de R$2, ao final do programa terei feito R$2521,80.

Então quer dizer que vou sair no prejuízo?

Vai.

Não se engane, você pode achar tudo lindo e magia e pixie dust, mas a brincadeira sai caro. Não só sai caro, como também dá uma certa revolta quando você entende por que esse programa é um excelente negócio para a Disney como uma empresa.

A Disney ganha uma mão de obra qualificada, com estudantes e recém-graduados estrangeiros que falam no mínimo duas línguas, e paga um salário mínimo de banana. Os estrangeiros moram nos apartamentos da Disney, pagando aluguel para a Disney, fazem conta no banco da Disney, entram nos parques de graça, mas acabam consumindo – e muito – lá dentro, gastando ainda mais dinheiro na Disney. Ou seja, grande parte do dinheiro que a Disney paga pelo excelente serviço desses estrangeiros, acaba voltando para a própria Disney.

E a parte mais genial de tudo isso é que eles planejaram, executaram e anunciaram esse programa de tal maneira que ele virou o sonho de muita gente. Sim, estamos aqui pedindo para ganhar pouco e vender a alma para uma empresa multinacional. Gênios. Gênios, gênios.

Vale a pena pagar para trabalhar?

Se você pensar nisso apenas como um emprego, não, não valeria a pena pagar para trabalhar. Mas a meu ver não é apenas um emprego, é uma experiência de intercâmbio no exterior. Quando você vai estudar fora, você gasta dinheiro. Quando vai sair de férias, também. No caso dos programas da Disney, calhou que em vez de estudar, sua principal atividade será um emprego um tanto quanto mal pago.

Também é uma experiência completamente diferente de se visitar a Disney de férias, passando uma semana lá e tentando o ver o máximo de cada parque em um dia. Para alguns, apenas o fato de ter entrada liberada nos parques durante 9-10 semanas já vale o alto preço pago. Para outros, o que vale mais é a experiência de habitação, de viver durante dois meses num condomínio onde todos os seus amigos são seus vizinhos e onde toda noite tem festa em algum apartamento. Para outros, é o simples fato de morar nos Estados Unidos por um tempo, comer muita gordice deliciosa e fazer mil compras.

Além disso, fazendo toda a conta acima e subtraindo os seus ganhos totais dos seus gastos totais, no final de tudo você vai ter gasto R$838,20 para passar dois meses na Disney, com passagem, hospedagem e entrada à vontade nos parques. Tá baratinho, não tá? 🙂

Resumindo, é tudo bastante pessoal. Para mim, vale a pena simplesmente porque é MUITO DIVERTIDO. E isso naturalmente tem um preço.

Então, antes de fazer o programa, veja se você acha que todo esse gasto vale a pena pra você 🙂 E boa sorte!

Leia também

5 Comentários

  • Responder
    Luma Perrete
    9 de maio de 2012 às 18:05

    Lembrando que agora com a mudança no processo de visto quem mora em cidade que não tem posto de atendimento vai ter que viajar duas vezes (ou ficar mais tempo no lugar) pra entregar os documentos e pra fazer a entrevista no consulado.
    Morro de vontade de fazer um desses programas da Disney, mas não estou mais na faculdade e sou pobre hahaha
    Vou acabar me contentando em ir como au pair pra ter a chance de morar no exterior.

    • Responder
      Tetê
      9 de maio de 2012 às 20:21

      Bem lembrado, Luma! Olha se duvidar acho que como au pair você ganha até mais do que na Disney, viu! hehe

      • Responder
        Luma Perrete
        9 de maio de 2012 às 20:28

        Au pair ganha menos por semana, mas não paga aluguel nem alimentação. E o programa é infinitamente mais barato. Mas, né, deve ser mais divertido trabalhar na Disney do que trocar fralda de criança hahahaha

  • Responder
    Beatriz
    11 de abril de 2013 às 16:26

    Excelente post, bem esclarecedor e realista! Parabéns!

  • Responder
    Como trabalhar na Disney: o Cultural Exchange Program | Travel Monster
    24 de abril de 2014 às 15:09

    […] Quando fui para o Super Greeter, um outro programa de trabalho na Disney, botei na ponta do lápis todos os gastos e ganhos que teria, que são basicamente os mesmos do Cultural Exchange Program. O resultado é explicado com detalhes no post “Quanto custa trabalhar na Disney?”. […]

  • Deixe um comentário